Você pode provar que a fibromialgia foi causada por um acidente de carro em uma ação judicial?

A fibromialgia é um distúrbio caracterizado por dor crônica generalizada. Você pode sentir dor em áreas específicas, como cabeça e pescoço, ou todo o corpo pode doer. Muitas pessoas que têm fibromialgia reconhecem que seus sintomas começaram após o trauma de um acidente de carro.

Os cientistas acreditam que a fibromialgia afeta a maneira como seu cérebro processa os sinais de dor e que na verdade amplifica sua percepção da dor. Algumas pessoas com fibromialgia também experimentam aumento da sensibilidade a outras formas de estímulos sensoriais, como odores fortes.

O trauma de um acidente de carro

Quando você sofre um acidente de carro, pode sofrer um trauma que, a princípio, parece ser menor. Você pode estar ciente de que sofreu uma lesão nos tecidos moles ou que tem alguma dor. Mas quando sua cabeça, pescoço ou costas são sacudidos, os danos podem ser mais graves do que parecem à primeira vista.

No outro extremo, há um acidente de carro que claramente causa lesões graves, como ossos quebrados nas costas ou no pescoço, que podem levar à necessidade de cirurgia da coluna vertebral. Em ambos os casos, você pode ter certeza de que o acidente de carro foi o evento que causou o aparecimento dos sintomas da fibromialgia.

Sintomas de fibromialgia

A fibromialgia é considerada uma síndrome, não uma doença. Isso significa que consiste em grupos de sintomas, em vez de ser uma condição estabelecida. Alguns dos sintomas que sofrem desta síndrome incluem:

  • Rigidez e dor em todo o corpo
  • Problemas do sono, como insônia, apneia do sono ou síndrome das pernas inquietas
  • Depressão e ansiedade
  • Dificuldade de concentração e outros problemas cognitivos
  • Fadiga
  • Dores de cabeça
  • Formigamento ou dormência nas mãos ou nos pés
  • Rigidez matinal

Fibromialgia Pain

A dor da fibromialgia pode ser descrita como dolorida, latejante, aguda ou sem brilho. Você pode sentir dor ou desconforto nos ligamentos, músculos, tendões ou articulações. Muitas pessoas têm pontos sensíveis que são muito dolorosos quando tocados.

Com o passar do tempo após um acidente de carro, é normal esperar que sua dor diminua, mas se você desenvolver fibromialgia, é provável que suas sensações de dor aumentem. A fibromialgia é uma síndrome crônica debilitante. Não há cura no momento, apenas gerenciamento de sintomas.

Provando que a fibromialgia foi desencadeada por um acidente de carro ou outro trauma

Pode ser difícil provar que a fibromialgia foi realmente causada por um acidente de carro. Para algumas pessoas, os sintomas não se desenvolvem da maneira correta e se você afirmar que não está ferido ou que acredita ter se recuperado totalmente cedo demais, pode ser difícil provar que o acidente desencadeou fibromialgia se os sintomas se desenvolverem meses depois.

Quando a dor crônica começa a se desenvolver, pode demorar um pouco para o médico chegar ao diagnóstico de fibromialgia, e há prazos estritos para registrar uma reclamação de ferimento pessoal. Provar que a fibromialgia foi desencadeada por um trauma pode ser difícil devido à natureza complexa da condição e ao fato de levar tempo para diagnosticar. Porém, houve casos em que a compensação pela fibromialgia após um acidente de carro foi obtida com sucesso.

Trabalhando com um advogado de ferimento pessoal

Quando você desenvolve uma condição caracterizada por dor crônica, como fibromialgia, você merece ser bastante compensado. A fibromialgia afetará sua vida pelo resto da vida, portanto, é imprescindível escolher um advogado que lute por uma compensação justa.

Os Advogados de Ferimento de Taos estão empenhados em oferecer a melhor representação possível para aqueles que foram feridos em um acidente de carro causado por negligência de outro motorista, incluindo situações em que complicações se desenvolveram meses após um acidente. Entre em contato conosco hoje mesmo, usando o formulário desta página, e discuta sua situação com um de nossos profissionais jurídicos especializados.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *