Fibromialgia e dor no maxilar

  • 1  O que é fibromialgia?
  • 2  dor na mandíbula na fibromialgia
  • 3  Como os dentistas podem aliviar essa dor no maxilar?
  • 4  Estudos sobre fibromialgia

Eles sentem dor em todo o corpo. Este é o principal problema para pessoas que sofrem de fibromialgia. Com certa frequência, esse tipo de dor pode se estender tanto aos dentes quanto aos maxilares, levando esses pacientes a acreditar que o que precisam urgentemente é uma revisão pelo dentista. Muito ao contrário do que se poderia pensar, os pesquisadores lançaram alguma luz sobre isso, chegando à conclusão de que essa  dor nos maxilares na fibromialgia  nem sempre está relacionada a problemas dentários. Pelo contrário, é uma das consequências desta doença.

O que é fibromialgia?

A fibromialgia é um grupo de síndromes que afetam a aparência de um tipo de dor que se espalha por todo o corpo, distribuída entre músculos e tendões. A dor no braço e dor no pé são algumas das suas manifestações. Pessoas que sofrem desta patologia podem experimentar:

  • Distúrbios do sono.
  • Fadiga.
  • Dificuldade de concentração.

Doenças associadas também surgem, como síndrome do intestino irritável, cistite intersticial, depressão, lúpus ou artrite reumatóide.

Dor na mandíbula na fibromialgia

Com relação à dor que é centrada na região da mandíbula, ela é causada por uma certa desordem na articulação temporomandibular localizada em cada lado da cabeça e que, junto com os músculos da mandíbula, tornam possível a movimento de abertura e fechamento da boca. Nesta articulação pode ocorrer dois tipos de distúrbios:

  • O dano da cartilagem.
  • Danos aos ligamentos da origem articular ou muscular, que é o que afeta pacientes com fibromialgia ou dor invisível.

Este último tipo de distúrbio afeta os músculos usados ​​tanto para mastigar como para mover o rosto, o pescoço e os ombros. Sua origem pode se concentrar na falta de sono, estresse continuado e trauma muscular.

Estabelecer um tratamento adequado para aliviar a  dor dos maxilares na fibromialgia  pode ser um pouco difícil. Uma vez descartada a presença de cárie e o abscesso dentário, as pessoas afetadas pela fibromialgia devem começar a controlar seu estresse. Indo para centros de massagem, bem como introduzir mudanças no estilo de vida ou aplicar outros tipos de remédios pode facilitar o relaxamento dos músculos faciais, aliviando a dor e insônia derivada dessa dor.

Como os dentistas podem aliviar essa dor no maxilar?

O papel dos dentistas também é crucial no sucesso do tratamento. Nesse sentido, eles devem:

  • Inicie uma história clínica completa para detectar uma alteração primária da articulação temporomandibular.
  • Detectar xerostomia e outras alterações na cavidade bucal.
  • Evite consultas longas para que o paciente não force a articulação.
  • Realize um diagnóstico diferencial da dor orofacial para detectar alterações na articulação temporomandibular e nas cefaleias associadas à fibromialgia.
  • Tome cuidado ao prescrever eritromicina e claritromicina que aumentam o efeito de outros medicamentos consumidos para aliviar outros sintomas iniciais da fibromialgia.
  • Além disso, seja cauteloso no fornecimento de antiinflamatórios não esteroidais se esses pacientes forem tratados com inibidores seletivos para a recaptação da serotonina, uma vez que aumenta o risco de sangramento prolongado.

Estudos sobre fibromialgia

Em geral, existem várias agências que patrocinam pesquisas para ampliar o conhecimento sobre a fibromialgia – seja fibromialgia primária, fibromialgia grave, etc. – e também melhorar seu diagnóstico, tratamento e prevenção. Os tópicos mais atuais que estão na tabela de pesquisa são os seguintes:

  • A razão pela qual as pessoas que sofrem de fibromialgia são mais sensíveis à dor.
  • Tratamentos com medicação e com reforço comportamental.
  • Existência de um gene ou um conjunto de genes que afetam que a pessoa é mais propensa a sofrer desta patologia.
  • O uso de radiografias como a ressonância magnética nuclear para melhor compreensão da fibromialgia complexa e dolorosa.
  • Por que a inflamação do corpo ocorre e sua relação com a fibromialgia.
  • Tratamentos sem drogas que facilitam a redução da dor.
  • Métodos ou ferramentas para melhorar a qualidade do sono em pessoas que sofrem de fibromialgia.

Aviso:  esta página contém artigos de conteúdo médico e de saúde, mas em nenhum momento deve ser tomada como um guia exclusivo para um problema de saúde. Para qualquer dúvida sobre um problema de saúde você deve ir ao especialista. BonoMedico não é um consultório médico.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *